Submissões

O cadastro no sistema e posterior acesso, por meio de login e senha, são obrigatórios para a submissão de trabalhos, bem como para acompanhar o processo editorial em curso. Acesso em uma conta existente ou Registrar uma nova conta.

Condições para submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.
  • Declaração de responsabilidade e transferência de direitos autorais assinada por cada autor.
  • Verificar se estão completas as informações de legendas das figuras e tabelas.
  • Preparar página de rosto com as informações solicitadas.
  • Incluir o nome de agências financiadoras e o número do processo.
  • Indicar se o artigo é baseado em tese/dissertação, colocando o título, o nome da instituição, o ano de defesa, em nota de rodapé.
  • Categorizar os artigos em Empíricos / Revisão / Ensaio / Entrevista.
  • Enviar a cópia do parecer do Comitê de Ética.
  • Incluir título do manuscrito, em português e inglês. No caso  de manuscrito original em inglês, incluir também o título em português. No caso de manuscrito original em espanhol e francês, incluir também o título em inglês.
  • Incluir título abreviado (short title), com quarenta caracteres, para fins de legenda em todas as páginas.
  • Verificar se as referências estão citadas no texto.
  • Incluir permissão de editores para reprodução de figuras ou tabelas publicadas.
  • Verificar se o texto, incluindo resumo e referências, está reproduzido com letras fonte Arial, corpo 11 e entrelinhas 1,5 e com formatação de margens superior e inferior 2,5cm, esquerda e direita 3cm.
  • Informar o número de Registro ORCID® (Open Researcher and Contributor /D).
  • Conferir se as referências e citações estão de acordo com as normas da ABNT adotadas pela Revista e descritas nos itens citação e referências.
  • Verificar se foram inclusas todas as ilustrações (e citadas no texto), com seus respectivos títulos, legendas, notas de rodapé, etc., e numeradas consecutivamente.
  • Certificar que o artigo está confeccionado em um único arquivo, em formato Word.
  • Na página da revista Sustentabilidade: Diálogos Interdisciplinares no Portal de Periódicos Científicos PUC-Campinas, no momento da submissão, deve ser anexado o artigo e toda a documentação assinada pelos autores.

Diretrizes para Autores

São aceitos trabalhos inéditos, com identificação do tipo de trabalho nas seguintes categorias: Empírico, Revisão, Ensaio e Entrevista, declaração de que o trabalho está sendo submetido apenas à revista Sustentabilidade: Diálogos Interdisciplinares e a carta de cessão de direitos autorais.

A carta deve indicar o nome, endereço, e e-mails dos autores e indicação do autor para o qual a correspondência deve ser enviada.

Os manuscritos submetidos, quando derivados de estudos que envolvem seres humanos, devem obrigatoriamente ter sido aprovados por Comitê de Ética em Pesquisa, conforme a Resolução nº 510 de 7 de abril de 2016 do Conselho Nacional de Saúde, que dispõe sobre as normas aplicáveis a pesquisas em Ciências Humanas e Sociais. Os autores deverão inserir a cópia digitalizada da declaração de aprovação do Comitê de Ética em Pesquisa da instituição de origem.

Resumo: todos os artigos submetidos em português ou espanhol deverão ter resumo simples no idioma original e em inglês, com um mínimo de 150 palavras e máximo de 250 palavras.

O resumo deve conter o introdução ao problema, objetivo, método, resultados e conclusão. O texto não deve conter citações e siglas. Para a redação e estilo do resumo, observar as orientações da NBR-6028, da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT).

Os artigos submetidos em inglês deverão vir acompanhados de resumo, título e palavras-chave em português e em inglês.

Estrutura do texto

Texto: com exceção dos manuscritos apresentados como Revisão, Ensaio e Entrevista, os trabalhos deverão seguir a estrutura formal para trabalhos científicos:

Introdução: deve conter revisão da literatura atualizada e pertinente ao tema, adequada à apresentação do problema, e que destaque sua relevância. Deve definir o propósito do trabalho e seu significado. Não deve ser extensa, a não ser em manuscritos submetidos como Artigo de Revisão.

Material e Métodos: deve conter descrição clara e sucinta do método empregado incluindo as técnicas de pesquisa e os procedimentos adotados, e, se aplicável, o tratamento estatístico. Quando necessário, informar que a pesquisa foi aprovada pelo Comitê de Ética em pesquisa.

Resultados: sempre que possível, os resultados devem ser apresentados em Tabelas ou Figuras, elaboradas de forma a serem auto-explicativas e com análise estatística. É permitida a utilização de fotografias em alta resolução, desde que sejam relevantes para a comprovação dos resultados. Evitar repetir dados no texto.

Discussão: deve explorar, adequada e objetivamente, os resultados, discutidos

à luz de outras observações já registradas na literatura.

Conclusão: apresentar as conclusões relevantes, considerando os objetivos do trabalho, e indicar formas de continuidade do estudo. Sugere-se a não utilização de citações bibliográficas nesta seção.

Siglas: deverão ser utilizadas de forma padronizada, restringindo-se apenas àquelas usadas convencionalmente ou sancionadas pelo uso, acompanhadas do significado, por extenso, quando da primeira citação no texto. Não devem ser usadas no título e no resumo.

Agradecimentos: podem ser registrados, em parágrafo não superior a três linhas, dirigidos a instituições ou indivíduos que prestaram efetiva colaboração para o trabalho.

Anexos: deverão ser incluídos apenas quando imprescindíveis à compreensão do texto. Caberá aos editores julgar a necessidade de sua publicação.

Ilustrações: São consideradas ilustrações todo e qualquer tipo de tabelas, figuras, gráficos, desenhos, esquemas, fluxogramas, fotografias, mapas, organogramas, diagramas, plantas, quadros, retratos, etc., que servem para ilustrar os dados da pesquisa. É imprescindível a informação do local e ano do estudo para artigos empíricos. Não é permitido que figuras representem os mesmos dados de tabelas ou de dados já descritos no texto.

A quantidade total de ilustrações aceitas por artigo é de 8 {oito), incluindo todas as tipologias citadas acima. As ilustrações devem ser editáveis, sendo aceitos os seguintes programas de edição: Excel, GraphPrism, SPSS 22, Corei Draw Suite X7, Adobe llustrator e Word. Caso opte pelo uso de outro programa, deverá ser usada a fonte padrão Arial, fonte tamanho 7, adotada pela revista na edição. As imagens devem possuir resolução igual ou superior a 600 dpi.

O autor se responsabiliza pela qualidade das ilustrações, que deverão permitir redução sem perda de definição, para os tamanhos de uma ou duas colunas (Bem e 16cm, respectivamente), pois não é permitido o uso de formato paisagem.

A cada ilustração deverá ser atribuído um título breve e conciso, sendo numeradas consecutiva e independentemente, com algarismos arábicos, de acordo com a ordem de menção dos dados. O uso de imagens coloridas é recomendável e não possui custos de publicação para o autor.

Citações no texto: baseadas na ABNT (NBR 10520/2002)

Citações diretas: devem subordinar-se à forma: autor, ano e página. Quando estiver fora dos parênteses, o sobrenome do autor fica com apenas a letra inicial maiúscula e dentro dos parênteses o sobrenome do autor fica em caixa alta. Com até três linhas, as citações devem ficar entre aspas e sem itálico. Com mais de três linhas, as citações devem seguir o seguinte padrão: recuo de 4cm na margem, fonte 10, espaço simples, sem aspas e sem itálico.

Exemplo

De acordo com Abramovay (2012, p. 13) o objetivo da nova economia é aumentar a eficiência e reduzir a desigualdade no uso dos recursos, tendo a "ética no centro da tomada de decisões e que se apoie em um metabolismo social capaz de garantir a reprodução saudável das sociedades humanas".

O conceito de desenvolvimento sustentável aparece pela primeira vez em 1987. O mesmo foi definido pela Comissão Mundial para o Ambiente pela ONU, sob direção de Gro Harlem Brundtland. A comissão de Brundtland definiu o Desenvolvimento Sustentável como "aquele que satisfaz as necessidades do presente sem comprometer a capacidade das futuras gerações de satisfazer suas próprias necessidades" (Brian, 2008, p. 20).

A preocupação com o meio ambiente e com o a conservação de recursos naturais importantes à perpetuação da vida humana não pode ser desvencilhada do debate que envolve os efeitos do desenvolvimento socioeconômico dos países em desenvolvimento. Nesse sentido, Serrano e Barbieri (2008, p. 2) afirmam que:

O desenvolvimento socioeconômico e o meio ambiente são temas ubíquos nos debates acerca do desenvolvimento sustentável. O crescimento econômico, sem uma preocupação adequada com a preservação do meio ambiente, gera impactos ambientais que prejudicam enormemente a qualidade de vida das populações e a própria sustentabilidade dos sistemas produtivos vigentes, no longo prazo.

Citações indiretas: o padrão adotado é: autor e ano

Quando o autor estiver citado na frase, o sobrenome do autor fica com apenas a letra inicial maiúscula e dentro dos parênteses o sobrenome do autor fica em caixa alta.

Exemplos

Para Cavalcante et al. (2012) a Ecoeficiência é o conceito difundido para prestação de serviços com desempenho econômico e ambientalmente correto. É o aumento da produtividade e da rentabilidade nas organizações a partir da redução dos impactos ambientais.

A medida que esforços de conjunção entre eventos sociais e ecológicos vão se tornando mais internalizados, a noção de integridade perde espaço para as propostas direcionadas à manutenção das funções ecológicas (Silva Junior; Ferreira; Lewinsohn, 2014).

Citações de diversos documentos de um mesmo autor publicados no mesmo ano são distinguidas pelo acréscimo de letras minúsculas, em ordem alfabética, após a data e sem espacejamento.

Exemplos

Carvalho (2010a)

Carvalho (2010b)

Os autores citados devem constar das referências listadas no final do texto, em ordem alfabética, segundo as normas.

Referências: baseadas na NBR-6023/2018 da ABNT.

As Referências serão ordenadas alfabeticamente pelo sobrenome do primeiro autor. Nas referências de até três autores, todos serão citados, separados por ponto e vírgula.

Nas referências com mais de três autores, citar somente o primeiro autor, seguido da expressão et ai.

Caso haja obras referenciadas do mesmo autor, a entrada será repetida, isto é, não será utilizado o recurso do traço sublinear.

A exatidão das referências constantes na listagem e a correta citação de seus dados no texto são de responsabilidade do(s) autor(es) dos trabalhos.

A formatação da lista de referências, ao final, deverá facilitar a tarefa de revisão e de editoração. Para tal, devem ser apresentadas em ordem alfabética, em espaço simples e com espaço entre as referências, tamanho de fonte 11, parágrafo justificado, sem recuo e sem deslocamento das margens.

A exatidão e a adequação das referências a trabalhos que tenham sido consultados e mencionados no texto do artigo são de responsabilidade do autor, do mesmo modo que o conteúdo dos trabalhos é de sua exclusiva responsabilidade.

Exemplos de casos mais comuns de referências Livro

Lovins, L. H.; Coehn, B. Capitalismo climático. São Paulo: Cultrix-Amana­ Key, 2013.

Sachs, 1. Desenvolvimento: includente, sustentável, sustentado. Rio de Janeiro: Garamond, 2008.

Capítulo de livro

Amazonas, M. C. Desenvolvimento sustentável e teoria econômica: o debate conceituai nas perspectivas neoclássica, institucionalista e da economia ecológica. ln: Nobre, M.; Amazonas, M. C. (Org.) Desenvolvimento sustentável: A institucionalização de um conceito. Brasília: Ibama, 2002. p. 26- 45.

Artigo

Drummond, J. A. A primazia dos cientistas naturais na construção da agenda ambiental contemporânea. Revista Brasileira de Ciências Sociais, v. 21,  n. 62, p. 5-25, 2006.

Material eletrônico

Jacobi, P. R. Educar na sociedade de risco: o desafio de construir alternativas. Pesquisa em Educação Ambiental, v. 2, n. 2, p. 49-65, 2007. Disponível em: http://www.revistas. usp.br/pea/article/view/30029. Acesso em: 12  ago. 2016.

Tese e dissertação

Aligleri , L. M. A adoção de ferramentas de gestão para sustentabilidade e a sua relação com os princípios ecológicos nas empresas. 2011. 178 f. Tese (Doutorado) - Universidade de São Paulo, São Paulo, 2011.

Trabalho apresentado em evento

De Benedicto, S. C. et al. Programas de gestão ambiental nas organizações. ln: Encontro Nacional de Pesquisadores em Gestão Social, 4., 2010, Lavras. Anais [...]. Lavras: ENAPEGS, 2010.

Documentos jurídicos

Brasil. Ministério da Educação. Parâmetros curriculares nacionais: temas transversais.  Brasília: MEC, 1998.

Brasil. Lei no 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelecer as diretrizes e bases da educação nacional. Diário Oficial da União, 23 dez. 1996. Seção 1, p.207.

Artigos de Pesquisa

Política padrão de seção

Política de Privacidade

Os nomes e endereços informados nesta revista serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.