Gráfica artesanal/gráfica industrial: anotações

Autores

DOI:

https://doi.org/10.24220/2595-9557v4e2021a5017

Resumo

Estamos mais acostumados a distinguir artesanato de indústria pelo viés da produção quantitativa, produzindo um fosso quase intransponível entre essas duas práticas. O artesanal seria, assim, ligado a uma tradição reverente, a um passado imemorial, voltado ao consumo de pequenas audiências; e o industrial cumpriria agendas sempre renovadas devido a demandas urgentes, ancoradas nas mais novas tecnologias.

Biografia do Autor

Luiz Claudio Mubarac, Universidade de São Paulo

Universidade de São Paulo | Escola de Comunicações e Artes | Departamento de Artes Plásticas | Av. Prof. Lúcio Martins Rodrigues, 443, Cidade Universitária, 05508-020, São Paulo, SP, Brasil | E-mail: <claudiomubarac@gmail.com>.

Downloads

Publicado

30-08-2021

Edição

Seção

Dossiê Tradição e ruptura | Ensaio Visual